A Incrível Saga de Star Wars

Essa sequência de histórias foi criada pelo escritor Jorge Lucas para o formato de cinema. Um realismo fantástico sobre outros mundos, que foi sucesso já no primeiro filme. Mesmo com um orçamento pequeno o lançamento faz tanto sucesso 30 anos depois. O autor estudou e se tornou fã do mitólogo americano Joseph Campbell que escreveu o livro “Jornada do Herói e aproveitou a alucinante trama da Guerra Fria que se embrenhava na época da corrida espacial junto da entre EUA e União Soviética. Jorge Lucas apostou também na reciclagem de filmes dos anos 50 misturado com maravilhas intergaláticas, o que provocou a volta dos jovens ao cimema.

O Império, que eram os algozes, haviam dominado quase toda uma galáxia, com centenas de sistemas, sendo que poucos escaparam da dominação. Mesmo assim, eram sempre “visitados” pelos imperiais, como Tattoine e a Cidade das Nuvens. Os planetas governados por membros da Aliança Rebelde eram ameaçados de aniquilamento, como vimos acontecer com Alderaan.

O Universo Star Wars era, inicialmente, um conjunto de centenas de sistemas, em que espécies diferentes de vida inteligente se desenvolviam, sem tomar conhecimento umas das outras. Os Columi do planeta Columus se tornaram uma das primeiras raças na galáxia a desenvolver viagens espaciais. Eles ficaram desapontados pelo pequeno número de formas de vida que encontram em outros mundos, e desistiram das viagens espaciais em prol do avanço de sua própria civilização.

Muito tempo depois, os Gree, do planeta Gree, atingiram seu auge, com uma tecnologia superior a aquela da Era Imperial. Eles passaram a utilizar o hiperespaço, tornando possível as viagens espaciais em um tempo aproveitável para colonização. A partir daqui, diversos povos começaram a colonizar, ou mesmo tomar à força, outros planetas além dos seus próprios.

A antiga Ordem Jedi foi responsável pela descoberta da Força, o elemento místico que influencia todas as criaturas do Universo Star Wars Ao longo da história da Velha República, os Jedi mediaram os conflitos entre as inúmeras forças do Universo. Só interviam após o esgotamento de todos os outros recursos disponíveis. Por outro lado, os Guerreiros do Sith eram os estudiosos suscetíveis à Força que a usavam não para pacificar, mas para dominar, pelo medo e pela violência. Nos mais dramáticos episódios da história da República, era natural que os Jedi e os Sith ficassem em campos opostos também na política, e não apenas no campo do confronto Lado Luminoso versus Lado Sombrio da Força.

 

Os personagens principais

Darth Vader; Anakin Skywalker; Obi-Wan Kenobi; Luke Skywalker; Princesa Leia; Mestre Yoda; Imperador Palpatine / Darth Sidious; C-3PO R2-D2 Han Solo; Chewbacca; Padmé Amidala; Conde Dookan; Lando Calrissian; Mace Windu; Qui-Gon Jinn

 

A história de Anakin Skywalker (Darth Vader)

A trilogia conta a juventude de Anakin Skywalker (Darth Vader), um garoto escravo no planeta Tatooine, concebido (sem pai) pelos Sibiontes Midi-Chlorians em sua mãe Shmi Skywalker. Ele é descoberto pelo Cavaleiro Jedi Qui-Gon Jinn, acreditando que este seja o “Escolhido”, previsto por uma profecia para trazer equilíbrio à Força e destruir os Sith; por ser um garoto prodígio com talento de: pilotagem, engenharia, precognição e elevado potencial da Força.

A sequência mostra Anakin aos 19 anos como um relacionamento amigável, porém conflituoso com seu mestre Obi-Wan e atormentado por emoções fortes: paixão e ódio, sentimentos proibidos para os Jedi. Após ter uma visão onde sua mãe está em perigo, ele volta a Tatooine para vê-la, mas descobre que ela foi sequestrada e morta pelo povo da areia; Anakin sucumbe ao ódio e friamente extermina o povo da areia. Ele se entrega ao amor ao se apaixonar e casar secretamente com Padmé, agora senadora, a qual foi ordenada proteger após esta sofrer uma tentativa de assassinato.

Três anos depois, o separatista Dookan é morto por Anakin e é revelado que Padmé está gravida. O Jedi tem uma visão profética da sua esposa morrendo no parto, semelhante o que ocorreu com sua mãe, e Palpatine o convence que apenas o lado sombrio concentra poder para salvar a vida dela; Ele também engana Anakin afirmando que os Jedi querem tomar o poder da República. Desesperado e com a fé nos Jedi abalada, Anakin submete-se ao lado sombrio adotando o nome Sith de Darth Vader, enquanto Palpatine transforma a República no tirânico Império Galáctico.

A Ordem 66 é colocada em prática e os clones exterminam os Jedi com a ajuda de Vader que também mata os líderes separatistas em Mustafar acabando com as guerras clônicas. Ocorre um duelo entre Vader e Obi-Wan, onde o mestre derrotou seu ex-discípulo, amputando suas pernas e abandonando-o moribundo à margem de um rio de lava. Palpatine chega ao local em seguida, salvando Vader e colocando-o em uma armadura mecânica que preserva a sua vida. Enquanto isso, Padmé morre ao dar à luz os gêmeos Luke e Leia, que crescem escondidos de Vader, sem saber quem são os pais verdadeiros.

Os eventos da trilogia original começam 19 anos depois, enquanto Vader supervisiona a estação espacial Estrela da Morte, que permitirá ao Império esmagar a Aliança Rebelde (formada para combater a tirania de Palpatine) liderada pela Princesa Leia Organa, que está com o projeto da Estrela da Morte roubados pelos Rebeldes. Mas Vader captura Leia, que esconde o plano e uma mensagem no dróide R2-D2, que em seguida juntamente com o colega C-3PO escapa para o planeta Tatooine, onde são adquiridos por Luke Skywalker e seu tio e tia.

Três anos depois, os rebeldes esmagados pelo Império, recuam para o planeta Hoth, mas são descobertos por Vader e uma batalha ocorre; A Aliança Rebelde, apesar de despedaçada, consegue escapar. Durante a batalha, Obi-Wan Kenobi orienta Luke ir para Dagobah encontrar Yoda para iniciar o treino Jedi. Mas o treinamento é interrompido quando Darth Vader o atrai para uma armadilha após congelar Han Solo em carbonita e capturar Leia, Chewbacca e C-3PO. Na armadilha Luke e Vader chegam a uma gigantesca e profunda área redonda de ventilação e manutenção, onde Vader corta a mão direita de Luke usando o sabre de luz, ficando pendurado em uma antena exausto e ferido. Vader oferece uma aliança a Luke, para destruírem o Imperador e governarem juntos a Galáxia. Mas Luke recusa unir-se ao assassino Vader e se joga no abismo, caindo em um sistema de ventilação que o lança para fora da cidade suspensa.

Enquanto os Rebeldes atacam uma segunda Estrela da Morte, Luke confronta Vader ante a presença do Imperador Palpatine, que deseja que o filho mate o pai e se torne seu novo discípulo. Durante o duelo, Luke sucumbe à sua raiva e domina brutalmente Vader, mas controla-se no último minuto ao perceber que estaria prestes a sofrer o mesmo destino do pai. Assim poupa sua vida e declara orgulhosamente sua lealdade aos Jedi, então furioso, Palpatine tenta matar Luke, neste momento a visão do filho sendo eletrocuado faz Vader se recompor e elimina seu mestre, sofrendo ferimentos mortais no processo.

30 anos após a queda do Império, Luke Skywalke está desaparecido, e na sua ausência surgiu a Primeira Ordem, liderada por uma criatura do lado sombrio, Líder Supremo Snoke, que quer reaver o Império e luta contra a Resistência, comandada por Léia e apoiada pela Nova República.

Episódios em ordem de lançamento:

· Guerra nas Estrelas (1977)

Guerra nas Estrelas: O Império Contra-Ataca (1980)

· Guerra nas Estrelas: O Retorno de Jedi (1983)

· Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma (1999)

· Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones (2002)

· Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith (2005)

· Star Wars: O Despertar da Força (2015)

 

 

Por Wendell E. Santos

Deixe uma resposta